A geolocalização é a localização de um objeto ou usuário em um sistema determinado de coordenadas. O processo de determinar geolocalização pode ser feito por uma série de tecnologias e, geralmente, quando se fala de geolocalização de um usuário, refere-se ao smartphone ou tablet que ele está usando. A geolocalização é um conceito relativamente novo, criado em 2009, e se tornou uma grande tendência com a popularização dos smartphones. Esse conceito possui aplicações tanto para o uso pessoal, quanto para o uso corporativo.

Para usuário em geral, a geolocalização faz cada vez mais parte do cotidiano com obtenção de informações e rotas otimizadas no trânsito, localização de serviços e lojas próximas, compartilhar sua posição atual com amigos por meio de redes sociais, chamar um táxi ou até mesmo lembrar onde você estacionou o carro.

Para empresas, o uso da geolocalização por ferramentas de geomarketing pode ajudar a planejar, refinar, mensurar e corrigir suas estratégias de negócio. Por exemplo, uma rede de franquias pode mapear a localização de seus clientes, visualizando as distâncias percorridas pelos clientes para chegar até as lojas e fornecendo informações precisas para o administrador para que ele possa decidir onde abrir uma nova loja.

Como é determinada a geolocalização

Existem vários meios tecnológicos que permitem conhecer a localização geográfica de uma pessoa ou objeto. Abaixo explicamos em mais detalhes cada tecnologia:

  • GPS: a localização é realizada por satélite, captando no mínimo o sinal de três satélites. Este processo pode demorar devido às condições do tempo.
  • AGPS : chamado de GPS assistido é um aprimoramento do GPS. A tecnologia recebe dados de suporte (posição dos satélites) de uma antena de telefonia celular.
  • GSM: a localização é feita por rastreamento através das ondas de rádio, utilizando as informações fornecidas pelas operadoras móveis, ou seja, é possível localizar um telefone celular mesmo com o GPS desativado, bastando o dispositivo estar ligado e com sinal.
  • Wifi – por meio das redes wifi disponíveis é possível determinar a geolocalização indoor, onde o sinal GPS não está disponível.

Geomarketing

Geomarketing é o uso da geolocalização de clientes e prospects para direcionar esforços de marketing, considerando a visualização de mapas para organizar e dispor de dados para tomada de decisão. Esta ferramenta permite direcionar e planejar campanhas de forma a obterem maior retorno, além de medir o seu sucesso e se comunicar com clientes e potenciais clientes. Isso na prática significa focar nos clientes certos, na localização correta com a oferta mais apropriada. Alguns benefícios do uso do geomarketing:

  • Aquisição de novos clientes;
  • Maior retorno dos esforços de marketing;
  • Redução da evasão de clientes;
  • Medir e compreender os resultados de campanhas de marketing;
  • Planejar a localização de novos pontos de venda ou territórios de vendas;
  • Aumentar o footfall (número de pessoas que entram em determinada área em um determinado período) usando o geofencing.

 

Um conceito importante dentro do geomarketing é o “geonfencing”, que nada mais é do que criar cercas virtuais para uma determinada área geográfica definida. Uma vez estabelecida esta cerca virtual o administrador pode criar gatilhos que enviam notificações (push), e-mails, sms, e outros, para o dispositivo móvel de um cliente ou prospect quando este entrar ou sair desta área. O conceito permite um vasta gama de aplicações desde o recebimento de cupons de descontos virtuais até aviso de proximidade de amigos de uma rede social.

A Domino´s Pizza usa o geomarketing   para deixar perceptível o seu conceito de entrega rápida para o cliente, ainda mais no trânsito complicado das capitais brasileiras como Rio de Janeiro e São Paulo. Os pontos de venda são escolhidos baseados no conceito “golden mile” (domicílios presentes num

Alguns apps que utilizam geolocalização

Foursquare: ajuda a encontrar os melhores lugares para comer, beber, fazer compras ou visitar, em qualquer cidade do mundo.

Waze – aplicação colaborativa que fornece rotas considerando as condições de trânsito reportadas pelos usuários em real time.

Pokemon Go – Game que utiliza o conceito de realidade aumentada e mistura o mundo real ao virtual utilizando a geolocalização e uma mapa lúdico da região onde o usuário está. O app teve cerca de 500 milhões de donwloads e gerou cerca de US$ 200 milhões desde o lançamento apenas com compras in-app.

Soluções Corporativas de Geomarketing

On maps (Geofusion) – ferramenta de geomarketing na nuvem que fornece informações sobre potencial de consumo, perfil populacional, mapeamento de empresas e polos geradores de tráfego.

Geosales (Softsite)  – uma solução de vendas  com foco no geoposicionamento dos clientes. Permite a visualização em mapas digitais de dados relevantes sobre os clientes combinados com a sua posição no mapa, e também permite o rastreamento de equipes de vendas por geolocalização.